Sábado, 20 de julho de 2024
informe o texto

Notícias Educação

Nos Trilhos de Mato Grosso: Senai MT oferta cursos de capacitação em sistemas ferroviários com formação em encarregado, servente de obras e carpinteiro

Outra frente de trabalho será realizada pelo IEL MT que disponibilizará um banco de talentos exclusivo para ser acessado pela Rumo e pelas empresas empreiteiras

Nos Trilhos de Mato Grosso: Senai MT oferta cursos de capacitação em sistemas ferroviários com formação em encarregado, servente de obras e carpinteiro

Foto: Acervo Fiemt

O Sistema Federação das Indústrias de Mato Grosso (Sistema Fiemt), por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai MT), inicia cursos de capacitação para trabalhadores que podem atuar nas obras da Ferrovia Estadual Senador Emílio Vuolo, que está sendo construída pela Rumo Logística com recursos 100% privados. Inicialmente, serão abertas 60 vagas, no mês de julho, para três formações: encarregado, servente de obras e carpinteiro.

O primeiro módulo em construção inclui 16 obras de arte especiais entre pontes, viadutos e passagens ferroviárias e rodoviárias, bem como a implantação de infraestrutura para a colocação de mais de 180 km de trilhos, de Rondonópolis até outros municípios localizados na região da BR-070, além de um terminal de cargas. Neste trecho, especificamente, a previsão de investimento gira em torno de R$ 4 bilhões e R$ 4,5 bilhões, com 5 mil novos postos de trabalho no pico de intensificação de obras.

“São várias empresas especializadas em construção civil envolvidas no projeto e que estarão com aproximadamente 500 a 1.000 funcionários cada uma, sendo que a nossa previsão é chegar em torno de 5.000 funcionários diretos trabalhando nesse projeto no pico das obras, já no meio do ano de 2024. A parceira com o Sitema Fiemt é extremamente necessária para que consigamos preencher os postos de trabalho com profissionais capacitados e preferencialmente moradores dos municípios por onde passaremos com a construção”, explica Harley Silva, gerente executivo de Projetos da Rumo Logística.

A iniciativa faz parte do programa ‘Nos Trilhos de Mato Grosso’ que, junto com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL MT), tem como objetivo ofertar recrutar, selecionar e capacitar gratuitamente pessoas para trabalhar nas empreiteiras responsáveis pela ferrovia. No total, a ação vai beneficiar mais de 5 mil trabalhadores envolvidos em toda a obra.

Nessas três formações serão ofertados o curso de ‘Sistemas Ferroviários’ tratando ainda sobre saúde, segurança e meio ambiente, com carga horaria de 20 horas, que terá início no dia 01 de julho. Também para essas capacitações, os alunos contarão com curso sobre NR18, que destaca condições e meio ambiente de trabalho na indústria da construção civil.

Para encarregado há também curso de mestre de obras com foco em terraplanagem e construção, somam 360 horas de treinamento que começara no dia 8 de julho. Já para servente de obras, o curso tem carga horária de 160 com previsão para iniciar em 10 de julho. Para carpinteiro de obras, totalizam 420 horas, programada para o dia 8 de julho.

Em parceria com o Senai, nessa fase, o programa vai ofertar o total de 280 vagas gratuitas em cursos de qualificação profissional. Serão realizadas 14 turmas presenciais, sendo sete na unidade Senai de Rondonópolis e sete em Jaciara. Ainda serão ofertados cursos para armador de estruturas pesadas, operador de caminhão basculante, pipa e guindauto, operador de escavadeira e construtor de alvenaria.

Banco de talentos

Outra frente de trabalho será realizada pelo IEL MT que disponibilizará um banco de talentos exclusivo para ser acessado pela Rumo e pelas empresas que fazem parte das obras. “As capacitações ofertadas pelo Senai serão um diferencial para o currículo daqueles que querem uma oportunidade de emprego. Estaremos cadastrando os interessados no nosso banco de talento e disponibilizando os perfis para as empresas que estão atreladas a construção da ferrovia”, explica a gerente de Negócios do IEL MT, Bruna Faria.

As inscrições podem ser feitas virtualmente, clique aqui. Mais informações pelo telefone 0800 646 6101.

A Ferrovia

Iniciada em novembro de 2022, a Ferrovia Estadual terá mais de 700 quilômetros de trilhos, partindo de Rondonópolis e chegando até Lucas do Rio Verde, assim como um ramal para Cuiabá. As obras vão abranger 16 municípios mato-grossenses, estimulando a geração de empregos diretos e indiretos.

A geração de empregos será um dos grandes legados da construção. Desde que os trabalhos foram iniciados, a ferrovia já mobilizou profissionais na construção do primeiro viaduto ferroviário de Rondonópolis entregue no primeiro semestre de 2023 e em outros cinco viadutos que estão em construção entre Rondonópolis e Juscimeira. A empresa também está executando a terraplanagem por 35 km do traçado projetado que segue em direção ao Médio-Norte.
 
Sitevip Internet