Quinta-feira, 23 de maio de 2024
informe o texto

Notícias Política

Jayme Campos cobra urgência em votação de projeto que cria penas mais rígidas no Brasil

Jayme Campos cobra urgência em votação de projeto que cria penas mais rígidas no Brasil

Foto: Divulgação

O senador Jayme Campos (União-MT) fez um pronunciamento na terça-feira, 9, exigindo do Congresso Nacional uma prioridade na aprovação de projetos que fortalecem as penas contra os criminosos. Ele destacou o alarmante aumento de delitos no país, abordando especialmente os crimes contra a mulher, o tráfico de drogas e os roubos de celulares.

“O problema da segurança no Brasil é muito grave. Não podemos ficar de braços cruzados enquanto o crime organizado age impunemente, prejudicando milhares de cidadãos honestos e trabalhadores”, declarou o senador.

Campos ressaltou que, segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil registrou 1 milhão de ocorrências de furto de celulares no último ano, com uma média de quase 3 mil aparelhos roubados por dia.

Além disso, destacou o crescente número de crimes virtuais, que muitas vezes utilizam informações subtraídas desses aparelhos.

Ele enfatizou que os dispositivos móveis se tornaram essenciais no cotidiano das pessoas e que o furto de celulares não só causa prejuízos econômicos, mas também danos morais e sociais.

Para respaldar a necessidade de penas mais rígidas, o senador mencionou dados da Polícia Civil de Mato Grosso, que instaurou 932 inquéritos para investigar crimes de violência contra a mulher apenas no mês de março.

Ele também destacou o Projeto de Lei 5019/2013, que cria o Fundo Nacional de Amparo a Mulheres Agredidas, aguardando votação na Câmara dos Deputados.

Além disso, Campos apresentou o PL 3786/2021, que tipifica o crime de narcocídio, relacionado ao tráfico de drogas, visando assegurar penas mais severas para essa prática criminosa.

O senador concluiu seu pronunciamento reforçando a importância de medidas legislativas mais rigorosas para combater a criminalidade e proteger os cidadãos brasileiros.

Fonte: JB News
 
Sitevip Internet