Segunda-feira, 20 de maio de 2024
informe o texto

Artigos Amir Maluf

BR 163 vai impactar o mercado imobiliário

Mato Grosso se mantêm em franco desenvolvimento, celeiro de oportunidades no mercado de trabalho tanto no agronegócio, serviços e construção civil. E recentes acontecimentos animam o mercado imobiliário no que já apresentava otimismo, mas agora fortalece ainda mais este sentimento diante de investimentos públicos, me refiro a BR 163, um fato que coloca Mato Grosso no ranking de exemplo nacional, onde a gestão pública equaciona problemas históricos, e proporciona estímulo ao privado também, afinal quando falamos de infraestrutura saindo do papel vários são os seus beneficiários, desde os investidores de diversos segmentos, bem como colaboradores ávidos por mais oportunidades no mercado de trabalho.

É uma soma que multiplica um ambiente mais seguro para os negócios. Aos nos despedirmos da rodovia da morte, damos boas-vindas a vida, a “Nova Rota”, corredor que passa muitos milhões de toneladas de nossas commodities. Teremos enfim, obras de duplicação com investimento superior a R$ 1,6 bilhão, contemplando a Rodovia dos Imigrantes; beneficiando nossa região metropolitana, bem como Nova Mutum, Lucas do Rio Verde; e Sinop, neste município inclusive o Grupo São Benedito também lança novidades, nosso grandioso projeto arquitetônico, já apelidado de Gigante do Norte, é nossa contribuição também ao desenvolvimento no interior com moradias de alto padrão.
Todo este cenário, somado ainda a ferrovia Estadual permitirá uma nova explosão de déficit habitacional, ou seja, o mercado imobiliário vai dobrar ou triplicar sua reação, mais investimentos serão direcionados, pois é certo que teremos um impacto positivo na demanda por imóveis em Mato Grosso.

E, estamos em plena construção de novos projetos imobiliários com grandiosos empreendimentos, como tem que ser para contribuir com nosso PIB, com mais emprego, renda, modernidade e qualidade de vida aos mato-grossenses.

E como um todo o mercado imobiliário nunca saiu da rota de investimento e de assertividade, afinal temos reflexos reais, nestes primeiros meses do ano, com o aumento no ticket médio de venda dos imóveis comercializados em Cuiabá de 2,26% entre janeiro e março de 2022 sobre os mesmos meses de 2023, segundo a Secovi-MT. Sabemos o quanto a construção civil é um setor importante da economia brasileira e todos os fatores que influenciam o nosso segmento positivamente devem ser reverenciados, seguimos avante com otimismo e gratidão e confiança, porque Mato Grosso precisa e merece ser ainda mais próspero e desenvolvido.

Amir Maluf, diretor de Novos Negócios do Grupo São Benedito

 
Sitevip Internet