Notícias - Últimas

Cristina Cavaleiro | Postado em 12.05.2022 às 07:20h
Igor Bastos Sessão plenária de maio destaca a “Engenharia de Transportes” em MT

Sessão plenária de maio destaca a “Engenharia de Transportes” em MT

A reunião plenária do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT), realizada no dia 05 de abril, destacou a  Engenharia de Transportes e criação da modalidade em Mato Grosso. O profissional do Sistema da Engenharia de Transporte, formado pela Universidade Federal de Mato Grosso, eng. Rubens Mauro, foi apresentado ao pleno pela presidente da Associação Brasileira de Engenheiros Civis Secção Mato Grosso (Abenc-MT), eng. civil Rejane Mara Castiglioni.

“ A Abenc-MT realizou   recentemente reunião com engenheiros de Transportes.  Foi tão produtivo o encontro que trouxemos um representante para os conselheiros conhecerem sobre a modalidade, principalmente sobre as brilhantes ações desempenhadas em Mato Grosso, além do alcance dos trabalhos realizados e pautados atualmente pela Abenc-MT, inclusive na área tecnológica, voltados aos associados, e focados na integração social. Estamos desenvolvendo trabalhos de cursos, enfim”, disse Rejane.

Ainda segundo a presidente da Abenc-MT, a partir daí foi observada a necessidade de trazer esse “braço da Engenharia”, que é a modalidade de Transporte.   Então foi feito o convite, onde foram alinhadas as   duas modalidades de Engenharia: civil e de Transporte, o principal objetivo é   junto a entidade de classe, somar e unir entendimentos entre as profissões.

O engenheiro de Transporte formado pela Universidade Federal de Mato Grosso, eng. de Transporte Rubens Mauro, fez uma explanação sobre a modalidade e a criação do curso no estado.  Ele destacou que a Engenharia de Transportes até então, só era possível quando um engenheiro formado em Civil, fazia sua especialização, até mesmo mestrado na modalidade de Transportes, e que alguns anos para cá, veio a necessidade de implantação de outras demais engenharias, inclusive do curso de graduação focado na área de Transportes.  A UFMT não é a única com essa modalidade, existem em outros estados do país.  Em Mato Grosso surgiu em 2012, com idealização da criação do campus da Universidade Federal de Mato Grosso em Várzea Grande, com cinco novas engenharias para o Estado.

“A primeira turma começou em 2014.  Os primeiros formandos foram agora na pré-pandemia em 2019, onde já estamos com seis turmas graduadas, totalizando 40 engenheiros de transportes formados.  Considero uma grande conquista. Apesar das dificuldades, vencemos, através de experiências com parcerias, viagens e congressos em todos os cantos do país, resultando em conhecimentos.  Leque que a Engenharia de Transporte propões a esses profissionais.   Temos três pilares dessa graduação: o primeiro é a infraestrutura de transportes, o segundo a gestão de logística e o terceiro o próprio transporte coletivo e a intermodalidade, incluindo cinco modais de transportes: rodoviário, ferroviário, aeroviário, hidroviário e Dutoviário. Entrar para Abenc-MT, entidade pertencente ao Sistema Confea/Crea é fortalecer ainda mais a profissão”, explicou Rubens Mauro.

A mesa foi composta pelo presidente do Crea-MT, eng. civil, Juares samaniego, o 1º vice-presidente, eng. florestal Benedito Carlos de Almeida, 2º vice-presidente, eng. agrônomo Marcio Eduardo de Andrade, diretor- administrativo, eng. eletricista Adriano Breunig e a diretora-financeira, eng. sanitarista Rosidelma Francisca Guimarães Santos, que juntamente com o pleno analisaram   e votaram   28 processos de Infração à legislação e um processo de registro de pessoa jurídica. Juares fez um rápido balanço da plenária itinerante realizada em Sinop e da participação dos conselheiros e do Crea-MT na Feira de Agronegócios Norte Show.

Na oportunidade, foi apresentada pela gerente financeira do Crea-MT, Karoline Pailo, a prestação de contas de fevereiro e março/2022.  A conselheira, eng. civil Marciane Prevedello Curvo, que coordena o Congresso Estadual de Profissionais (CEP), apresentou de informações sobre o CEP. Em assuntos diversos, a coordenadora do Crea Mulher em Mato Grosso, eng. mecânica Priscila Bernardi Rockenbach, comunicou sobre a palestra: Desmistificando o Crea-MT, nas faculdades Unic e Universidade Federal, ambos no município de Rondonópolis no próximo dia 23 de maio.

Já a coordenadora do Crea Júnior em Mato Grosso, eng. civil Luanna Lima informou que ministrará palestras “ Conhecendo o Sistema Confea/Crea, juntamente com o conselheiro geólogo, Caiubi Kuhn em faculdades de Engenharia de Cuiabá.

Na ocasião, Caiubi falou do Workshop: “ Ensino e Atribuição Profissional”, realizado no dia 05 de maio no auditório do Crea- MT com coordenadores de instituição de ensino superiores de  cursos de Engenharia. O conselheiro comunicou a participação de representante da Mútua nacional na abertura do  Congresso de Paleontologia na Universidade Federal de Mato Grosso, e convidou o pleno a participar de   30 de maio a 01 de junho do “VIII GEO Políticas: Mineração e Geoconservação”na Assembleia Legislativa.  A conselheira, eng. de Segurança do Trabalho, Giuvania Maria Soares destacou a realização de palestra com o conselheiro, eng. civil André Schuring na faculdade  Uniasselvi . O conselheiro, eng. agrônomo, Roberto Knoll falou sobre a importância do Crea Mato Grosso na Norte Show.