Notícias - Últimas

BRUNO VICENTE | Postado em 13.01.2022 às 12:27h
Luiz Alves Estrutura da Central Municipal de Serviços Funerários é contemplada com obra de reforma geral

Estrutura da Central Municipal de Serviços Funerários é contemplada com obra de reforma geral

A Prefeitura de Cuiabá está colocando em prática um projeto de reforma geral da Central Municipal de Serviços Funerários “Cristiano Garcia”. A obra é coordenada pela Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbano (Limpurb) e, conforme o cronograma, deve durar aproximadamente 90 dias.

Aplicando um investimento de R$ 328.816,41, o Município planejou para o local a realização de uma série de melhorias. Entre os trabalhos estão: recuperação da cobertura, calha e rufos; readequação o espaço interno; reforma dos banheiros; climatização; pintura interna e externa; troca de toda parte elétrica; substituição das portas e forro.

“Estamos seguindo mais uma determinação do nosso prefeito Emanuel Pinheiro, que tem um olhar humanizado e entendeu a importância dessa obra. A estrutura é responsável por acolher a população em um momento muito difícil, que é o da perda de um ente querido. Dentro do que cabe ao Município, temos sempre que garantir que ele seja o menos traumatizante possível”, explica o diretor-presidente da Limpurb, Vanderlúcio Rodrigues.

A sede da Central Municipal de Serviços Funerários “Cristiano Garcia” foi inaugurada no ano de 2001 e desde então não passou por nenhuma grande reforma. Durante todo esse período, a estrutura, localizada na Rua Almeida Lara, 269 – Bandeirantes, recebeu apenas as manutenções periódicas e pequenos reparos.

Somando todos os tipos de serviços funerários, o local realiza uma média de diária de cerca de 60 atendimentos. A Central funciona durante 24 horas e, além da Prefeitura de Cuiabá, conta ainda com a prestação de serviços feitos por cartórios, pela Empresa Cuiabana Administradora de Cemitérios, e também pela administrada do cemitério Parque Bom Jesus.

“Até que a obra seja concluída, os atendimentos serão ofertados em uma estrutura provisória montada em três contêineres. Por isso, pedimos muito a paciência da população. É válido destacar que também são serviços que vão melhorar as condições de trabalho para os servidores. Ou seja, é uma obra que contempla todas as demandas mapeadas pela gestão Emanuel Pinheiro”, pontua Vanderlúcio.