Notícias - Cidades

Da Redação | Postado em 18.07.2016 às 08:20h
Transporte coletivo de Várzea Grande ganha nova frota

Transporte coletivo de Várzea Grande ganha nova frota

A população de Várzea Grande recebeu, 45 ônibus zero quilômetro da concessionária local de transporte coletivo, a União Transporte e Turismo Ltda. Os veículos serão destinados às linhas intermunicipais e municipais e todos os modelos ofertam acessibilidade, wi-fi, bilhetagem eletrônica, câmeras de segurança, reconhecimento facial. A entrega realizada de forma simbólica nesta manhã, no pátio da prefeitura municipal, com a exposição dos novos ônibus, selou o compromisso firmado no ano passado entre a Administração Pública e a concessionária, via Decreto, ao autorizar o reajuste da passagem do transporte, que foi elevada para R$ 3,60. Uma das várias condicionantes à concessão do reajuste era justamente a renovação da frota até o primeiro semestre de 2016.

Todos os veículos com ano de fabricação anterior a 2007 foram retirados de circulação pela empresa. Os com produção entre 2010 e 2012 serão reformados. Cerca de dez linhas, como Parque do Lago, Universidades (UFMT, UNIC, IVE), Mario Andreazza, Coxipó, Rodoviária, Shopping Pantanal, receberão o reforço dos novos ônibus a partir de hoje. Dos 45 veículos novos, 28 possuem ar-condicionado.

O secretário de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, Breno Gomes, destaca que o sistema de transporte coletivo de Várzea Grande está passando por uma mudança estrutural que não restringe apenas à renovação da frota. “A concessionária do sistema municipal de transporte coletivo, cumpre o que ficou registrado em Decreto Municipal quanto à renovação da frota com a inclusão de novos veículos, inclusive equipados com instrumentos de acessibilidade para portadores de necessidades especiais. A União Transporte se comprometeu ainda reformar os veículos que se encontram em condição de uso”.

O secretário Breno, explica ainda que o Decreto se cumpre com as reformas estruturais que a concessionária está realizando no Terminal André Maggi, como a reforma dos banheiros, das plataformas de embarque e desembarque, sinalizações como as faixas de segurança e o melhoramento da acessibilidade, promovendo a revitalização geral do espaço.

Outro ponto em plena execução é a reforma de 90 abrigos de ônibus existentes e ainda a entrega 30 novos pontos ao Município. Dos 90 abrigos já existentes, 70 já foram revitalizados. Dos 30 novos pontos de ônibus, 20 já estão à disposição da população. “Tudo isso que está sendo realizado foi previsto no acordo para o aumento da tarifa que já está em vigor desde o 1º de março deste ano, cujo cálculo oficial foi apresentado pelo Conselho Regional de Economia (Corecon), com a avaliação do corpo técnico da Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana e a aprovação da Agência de Regulação e Serviços Delegados de Mato Grosso (Ager)”, explica o secretário Breno Gomes.

“Os novos ônibus estarão reforçando o sistema de transporte coletivo no Município e empenham o compromisso da atual gestão com a qualidade de vida dos usuários, especialmente dos trabalhadores que dependem diariamente deste meio de transporte. A Administração Municipal recuperou a malha viária da cidade, com foco nas vias por onde os ônibus circulam. Várzea Grande está fazendo Justiça Social ao integrar poder público e a concessionária em benefício da população”, pontuou o secretário de Governo, César Miranda.

O presidente da União Transportes, Rômulo Botelho, explica que o investimento total na aquisição da nova frota e na tecnologia embarcada em cada veículo ficou em torno de R$ 16 milhões. “Trinta por cento da frota operacional foi renovada, uma decisão audaciosa para o atual momento econômico do país e um volume que certamente é um dos maiores para o período em todo o Brasil”, avalia. O empresário destaca que a revitalização da infraestrutura que vem sendo realizada pela prefeitura, especialmente no tocante à recuperação da malha viária nos bairros, foi determinante para o atual investimento. “Fizemos neste semestre uma das maiores renovações de frota do País e espero que a população, que tanto clamava e aguardava por veículos melhores, nos ajude na conservação desses bens, que são da coletividade”.

O presidente da Associação dos Usuários de Transporte Coletivo de Várzea Grande (Assut/VG), Marcos Oliveira, destaca que é preciso reconhecer que a nova frota é de fato um ganho ao Município e à população. “Sempre cobrávamos melhorias e agora vieram ônibus novos, zero quilômetro e todos com acessibilidade”.

Há cinco anos na União Transporte, o motorista Gabriel Nunes, disse que já teve a oportunidade de testar o novo modelo e que de fato, a tecnologia embarcada faz toda a diferença. “Não apenas ao passageiro, que terá mais conforto e segurança, como para gente, já que o veículo é mais leve, mais silencioso, não trafega com as portas abertas ou semi-abertas, tem monitoramento e rastreamento”.

Mileidy da Silva, é uma das quatro motoristas da empresa, faz a linha municipal São Matheus/Centro e está há quase três anos na União Transporte. Ela também testou o novo modelo e além de uma dirigibilidade mais leve e de todos os recursos de segurança e conforto, duas coisas chamaram à atenção: “O silêncio do motor e o fato dele não esquentar tanto o espaço do motorista como os modelos mais antigos fazem”.